Circuit Breaker, entenda o que é e como funciona

Circuit Breaker, entenda o que é e como funciona

Circuit Breaker, entenda o que é e como funciona

Hoje em dia vivemos em um mundo onde boa parte dos fluxos econômicos são financeiros. Assim, bolsas de valores importam mais que nunca, e empresas fazem a maior parte de seu patrimônio por meio destas, comprando e vendendo ações.

Para entender o que é este mecanismo, veja como ele funciona e em quais ocasiões é acionado:

O que é o Circuit Breaker

Circuit Breaker, mecanismo que foi criado há anos atrás, é de extrema importância para a proteção da economia financeira. Na hipótese de oscilações mais bruscas nos preços, ele é acionado de forma que as ordens de compra e de venda sejam rebalanceadas e amortecidas. Seu objetivo principal é proteger o mercado de fortes oscilações, ou seja, ele modera a volatilidade do mercado de ações. Quando ele é acionado, é impossível comprar ou vender ativos em bolsa.

O recurso é acionado em momentos de forte queda nos preços das ações. Ele se baseia no Ibovespa, principal índice da bolsa. O circuit breaker não é exclusividade do mercado brasileiro. Ele também existe em outras bolsas do mundo, como nos Estados Unidos.

Como funciona Circuit Breaker

As regras para a utilização do circuit breaker estão atreladas ao percentual de queda do Ibovespa, o principal indicador da Bolsa de Valores do Brasil.

As regras são:

  1. Queda de 10% do Ibovespa

Nas situações em que o Ibovespa apresenta queda de 10% sobre o valor do fechamento do dia anterior, acontece o primeiro circuit breaker. Ao ser acionado neste momento, todas as negociações da Bolsa de Valores são interrompidas por 30 minutos.

  1. Queda de 15% do Ibovespa

Após os 30 minutos da realização do circuit breaker, a B3 volta a permitir negociações, esperando que o mercado volte ao normal. Se o Ibovespa continuar em queda e acumular um percentual de 15% de desvalorização, um novo circuit breaker ocorrerá. Nesta parada, as negociações ficam interrompidas por mais 1 hora.

  1. Queda de 20% do Ibovespa:

Após a 1 hora da segunda parada, a Bolsa de Valores reabre as negociações. Se, mesmo assim, o Ibovespa continuar em queda e chegar a 20%, a B3 suspende as atividades e fica responsável por definir um novo prazo para reabertura do mercado.

Para ficar mais claro, veja a tabela com um resumo:

1. As regras do circuit breaker não são aplicadas nos últimos 30 minutos de funcionamento do pregão da B3.

2. Se acontecer um circuit breaker na última hora do pregão, no outro dia, no momento da reabertura do mercado, será possível realizar apenas uma nova paralisação de 30 minutos.

Saber sobre as regras e seus detalhes é fundamental para que você consiga acompanhar o mercado e consiga analisar as oportunidades que podem aparecer em um momento de crise na Bolsa de Valores.

Quais foram as vezes que o Brasil utilizou este mecanismo?

O Brasil já recorreu à ferramenta em 6 anos diferentes. São eles:

  • 1997: crise asiática
  • 1998: crise russa
  • 1999: câmbio flutuante
  • 2008: crise do subprime nos EUA
  • 2017: Joesley Day (delação de Joesley Batista sobre corrupção)
  • 2020: crise do coronavírus e briga do petróleo entre Rússia e Arábia Saudita

No dia 09 de março de 2020, fatores como o surto de Covid-19 influenciaram a paralisação da Bolsa brasileira. Entre eles, o principal foi a queda no preço do petróleo devido a um desacordo entre a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e a Rússia para tentar cortar a produção da commodity. Por causa disso, a Bolsa brasileira registrou queda de 10% e teve suas negociações paralisadas novamente por 30 minutos no início da tarde do dia 10 de março de 2020.

Você pode não estar acostumado com o mercado cheio de oscilações e sim, a insegurança dificulta todo esse processo. Porém, utilizando esta movimentação do mercado ao seu favor, em muitos casos, eventos como esses podem se tornar boas oportunidades de investimento. Para quem investe, o desafio é entender se o momento é propício para colocar mais dinheiro ou se o ciclo acabou é hora de “fugir para as colinas”. De qualquer maneira é sempre bom ficar atento aos acontecimentos externos e aos movimentos do mercado.

Para saber mais sobre dicas de gestão de negócios, informações sobre novas tecnologias e como podemos melhorar e otimizar a sua rotina, acesse o nosso site https://www.supplymidia.com.br/

Compartilhe:
FacebookTwitterLinkedIn

Receba nossas novidades

Junte-se à nossa newsletter para se manter atualizado sobre recursos e lançamentos.

    Ao se inscrever, você concorda com nossa Política de Privacidade e dá consentimento para receber atualizações da nossa empresa.